Ao inativar um equipamento o usuário de perfil planejador estará indicando para o Keepfy que não há mais a necessidade de realizar o controle gerencial e de manutenções do equipamento. Desta forma, não é mais permitida a inclusão de ordens de serviço corretivas, preventivas ou de melhorias e também de solicitações de serviço. Também não será permitido qualquer reporte de contador, caso o equipamento possua este controle.

1. Em que momento eu devo indicar a inativação do equipamento no Keepfy?

De modo geral, em casos em que para empresa não há mais a necessidade de se realizar o controle de suas manutenções, por exemplo, na substituição do equipamento por um novo, após a venda do equipamento ou em outras situações em que se deseje apenas manter seu histórico.

2. Como realizar a inativação de um equipamento?

Para inativar um equipamento no Keepfy é fácil, basta acessar a edição do registro, desabilitar a opção "equipamento ativo" e informar um motivo e a data da baixa. Logo após, confirmar e salvar a edição do equipamento.

3. É possível manter um equipamento inativo com manutenção ativa?

Esta condição não é permitida. Quando um equipamento se torna inativo ele não pode mais ser identificado para a realização de manutenções. Porém, é possível manter o equipamento em situação ativa com a manutenção inativa, para saber mais acesse aqui o artigo em que falamos mais sobre manutenção inativa.

4. O que acontece com as ordens e solicitações de serviço em aberto após a inativação?

Todos os serviços de manutenção em aberto, sejam ordens ou solicitações, após a inativação, continuam em aberto para serem atendidos normalmente pela a equipe de manutenção. É possível ainda, no momento da inativação do equipamento, consultar a listagem de ordens ou solicitações de serviço clicando no link que é apresentado logo após ao alerta, como este:

5. As manutenções periódicas, que ainda não possuem ordens de serviço abertas, serão afetadas pela inativação?

Sim. Os cards de manutenção periódica serão retirados da agenda, ficando como inativos no cadastro do equipamento, neste caso, não permitindo a inclusão de ordens de serviço preventivas.

6. É possível reativar um equipamento?

Sim, da mesma forma que foi realizada a inativação é possível ativar via edição do equipamento. Ao reativá-lo, todas as operações conhecidas e relacionadas ao equipamento podem ser novamente realizadas.

Caso o equipamento tenha planos de manutenção periódicas, todos os cards anteriormente retirados da agenda voltam a ser apresentados, sendo possível incluir as ordens de serviço preventivas normalmente.

7. As ordens e solicitações de serviço canceladas são reabertas após a reativação?

Nenhuma ordem ou solicitação de serviço que esteja em aberto é cancelada ou alterada após a inativação ou reativação de um equipamento. O Keepfy alerta o usuário, como já mencionado, porém não realizada nenhuma operação nestes registros. Caso o usuário realize o cancelamento destes serviços após a inativação, os mesmos continuam com o status de cancelados.

Encontrou a sua resposta?